Palavras chave

Intervenção, televisão, terremoto, audiência, autocêntrismo, sociocêntrismo

Resumo

Este trabalho contempla, ao mesmo tempo, um propósito conceitual e outro de ordem prática. No propósito conceitual, propõe-se um modelo para compreender o funcionamento da televisão em cenários de catástrofe e consecutivamente, sugere-se, a partir deste modelo, um conjunto de derivações práticas destinadas a otimizar a função da televisão nestes cenários. O modelo proposto concebe a intervenção televisiva com uma dupla função: uma de caráter “autocêntrico” focalizada em sua reprodução como empresa, e outra, de caráter “sociocêntrico”, voltada a responder os requerimentos sugeridos no cenário da crise. Este modelo será contrastado com os resultados de um estudo do Conselho Nacional de Televisão do Chile que indagou sobre o papel assumido pela televisão no terremoto ocorrido no Chile em 2010. Segundo esse estudo, se bem que se valoriza o papel informativo e orientador da televisão, a dupla função de sua intervenção foi percebida como problemática, com o predomínio da função autocêntrica que, a partir de uma lógica do espetacularização, buscou aumentar a audiência, utilizando uma estratégia baseada na hiperativacão emocional. Finalmente, conclui-se com uma proposta para conduzir a televisão, a partir de uma intervenção na crise rumo a uma efetiva intervenção em crises, otimizando a função sociocêntrica.

Referências

Consejo Nacional de Televisión de Chile (2008). VI Encuesta Nacional de Televisión (www.cntv.cl). (www.cntv.cl/medios/Publicaciones/2009/VI_Encuesta_Nacional_TV.pdf) (09-09-2010).

Link Google Scholar

Consejo Nacional de Televisión de Chile (2010). Cobertura televisiva del terremoto. La catástrofe vista a través de la pantalla, la audiencia y la industria. Santiago de Chile. (www.cntv.cl/medios/Publicaciones/TerremotoInformeCoberturaTelevisiva.pdf) (09-09-2010).

Link Google Scholar

Espósito, R. (2007). Communitas. Buenos Aires: Amorrortu.

Link Google Scholar

Mathien, M. (1993). De la raison d'être du journaliste. Communication et Langages, 8 (1); 62-75 (www.persee.fr/web/revues/home/prescript/article/colan_0336-1500_1993_num_98_1) (09-09-2010).

Link Google Scholar

Organización Panamericana de la Salud (2006). Guía práctica de salud mental en situaciones de desastres. Washington: Organización Panamericana de la Salud.

Link Google Scholar

Tétu, J.F. (2004). L’émotion dans les médias: dispositifs,formes et figures. Obtenido de Mots. Les langages du politique (http://mots.revues.org/index2843.html) (09-09-2010).

Link Google Scholar

Zubiri, X. (2004). Inteligencia sentiente. Madrid: Tecnos.

Link Google Scholar

Fundref

Este trabalho não tem nenhum apoio financeiro

Crossmark

Technical information

Métricas

Métricas deste artigo

Vistas: 19064

Leituras dos resumos: 15352

Descargas em PDF: 3712

Métricas completas do Comunicar 36

Vistas: 542142

Leituras dos resumos: 421105

Descargas em PDF: 121037

Citado por

Citas em Web of Science

Grassau, D.; Puente, S.; Vatter, N.;. Profiles and roles of TV anchorpersons in a disaster context: conceptual proposal from the case of the 27F earthquake in Chile REVISTA DE COMUNICACION-PERU , 2019.

https://doi.org/10.26441/RC18.2-2019-A8

Mayo-Cubero; Marcos;. News sections, journalists and information sources in the journalistic coverage of crises and emergencies in Spain PROFESIONAL DE LA INFORMACION , 2020.

https://doi.org/10.3145/epi.2020.mar.11

Javier Tagle; Francisco;. FRAMING AND NATURAL DISASTERS: FRAMING THE CHILEAN WRITTEN PRESS PERSPECTIVAS DE LA COMUNICACION , 2017.

Link Google Scholar

Puente, Soledad; Pellegrini, Silvia; Grassau, Daniela. How to Measure Professional Journalistic Standards in Television News Coverage of Disasters? 27-F Earthquake in Chile INTERNATIONAL JOURNAL OF COMMUNICATION, 2013.

Link Google Scholar

Diaz, Camila A.; Quintana, Gonzalo R.; Vogel, Edgar H.. Depression, anxiety and post-traumatic stress disorder symptoms in adolescents seven months after the february 27 2010 earthquake in Chile TERAPIA PSICOLOGICA, 2012.

https://doi.org/10.4067/S0718-48082012000100004

Citas em Scopus

Puente, S., Pellegrini, S., Grassau, D.. Journalistic challenges in television coverage of disasters: Lessons from the february 27, 2010, earthquake in Chile [Desafíos periodísticos en la cobertura televisiva de desastres: Lecciones del terremoto del 27 de febrero de 2010 en Chile]), Communication and Society, .

Link Google Scholar

Grassau, D., Puente, S., Vatter, N., Rojas, R.. Profiles, roles of TV anchorpersons in a disaster context: Conceptual proposal from the case of the 27F earthquake in Chile [Perfiles y roles de los conductores de TV en momentos de desastres: Propuesta conceptual a partir del caso del terremoto del 27F en Chile]), Revista de Comunicacion, .

https://doi.org/10.26441/RC18.2-2019-A8

Mayo-Cubero, M. . News sections, journalists and information sources in the journalistic coverage of crises and emergencies in Spain), Profesional de la Informacion, .

https://doi.org/10.3145/epi.2020.mar.11

Citas em Google Scholar

Actualmente não há citações a este documento

Baixar

Métricas alternativas

Como citar

Souza-Mayerholz, M., & Martínez-Ravanal, V. (2011). The intervention of TV in the Chilean earthquake. [La intervención de la televisión en el terremoto chileno]. Comunicar, 36, 69-76. https://doi.org/10.3916/C36-2011-02-07

Compartilhar

           

Caixa Postal 527

21080 Huelva (Espanha)

Administração

Redação

Creative Commons

Este site usa cookies para obter dados estatísticos sobre a navegação de seus usuários. Se você continuar navegando, consideramos que você aceita seu uso. +info X