Palavras chave

Narrativas audiovisuais, audiência, adolescentes, criação audiovisual, telespectadores-autores, reflexões críticas

Resumo

O texto se concentra na análise de pequenas narrativas audiovisuais (37), elaboradas em forma de roteiros desenhados (tipo storyboard). Tais trabalhos foram realizados por adolescentes de duas escolas do ensino médio do Distrito Federal (Brasil), no âmbito de um projeto de pesquisa apoiado pela Universidade de Brasília. Através da análise, pretende-se mostrar a adequação da estratégia de roteiros desenhados na construção de proposições, as quais surgem da união entre as capacidades criativas dos jovens e sua posição como telespectadores. A análise parte da elaboração do referencial teórico para o diagnóstico de suas competências audiovisuais. É necessário mencionar que os grupos de adolescentes não participaram anteriormente de nenhum curso ou oficina audiovisual, feito que se converteu no ponto de partida para o desenvolvimento de uma proposta de educação midiática em escolas.

Referências

Arnold, W. (2006): Quem quer ser roteirista? Aparentemente, todo mundo. Seattle, Post-Intellingencer. Consultado en 20/04/07: (http://noticias.uol.com.br/midiaglo-bal/outros/2006/04/20/ult586u348.jhtm).

Link Google Scholar

Buckingham, D. (2005): Educación en medios. Barcelona, Paidós.

Link Google Scholar

Carneiro, V. (2000): Criança produtora audiovisual: expressando o mundo e o da TV. Projeto de pesquisa e extensão. Brasília, Decanato de extensão e de Pesquisa, UNB.

Link Google Scholar

Carneiro, V. (2005): Um desafio da TV na escola: o expressar-se com linguagem audiovisual para melhor analisar a TV e educar hoje. Relatório de pesquisa. Brasília, FE- UNB. Apoios: PIBIC, DEX E FINATEC.

Link Google Scholar

Carneiro, V. (2007): Os roteiros desenhados por crianças como instrumento de investigação de percepções e competências audiovisuais junto a audiências infantis. 5º SOPCOM. Braga, Universidade de Minho.

Link Google Scholar

Ferrés, J. (2006): «La competencia en comunicación audiovisual: propuesta articulada de dimensiones e indicadores», en Quaderms del CAC: 25; 9-17.

Link Google Scholar

Fiske, J. (1989): Television Culture. London/New York, Routledge.

Link Google Scholar

Freire, P. y Guimarães, S. (1984): Sobre educação: diálogos. RJ, Paz e Terra.

Link Google Scholar

Garcia Jiménez, J. (2006): Narrativa Audiovisual. Madrid, Cátedra.

Link Google Scholar

Gardner, H. (1999): Arte, mente e cérebro. Uma abordagem cognitiva da criatividade. Porto Alegre, Artes Médicas Sul.

Link Google Scholar

Levy-Strauss, C. (2007): Mito y Significado. Madrid, Cátedra.

Link Google Scholar

Piaget, J. (2001): Inteligencia y afectividad. Buenos Aires, Aique.

Link Google Scholar

Quintão, V.L. (2005): «A TV de crianças e adolescentes com câmera à mão...», em Revista Comunicar, 25, Huelva.

Link Google Scholar

Rodari, G. (1982): Gramática da Fantasia. 6 ed. São Paulo, Summus

Link Google Scholar

Strasburger, V.C. (1999): Os adolescentes e a mídia: impacto psicológico. Porto Alegre, Artmed.

Link Google Scholar

Vigotsky, L.S. (1990): La imaginación y el arte en la infancia. Madrid, Akal.

Link Google Scholar

Vivarta, V. (Org.) (2003): Remoto Controle-Linguagem, Conteúdo e Participação nos programas de Televisão para Adolescentes. São Paulo, ANDI &UNICEF & Editora Cortez.

Link Google Scholar

Wells, P. (2007): Fundamentos de la animación. Barcelona. Parramón.

Link Google Scholar

Fundref

Este trabalho não tem nenhum apoio financeiro

Crossmark

Technical information

Métricas

Métricas deste artigo

Vistas: 16531

Leituras dos resumos: 13477

Descargas em PDF: 3054

Métricas completas do Comunicar 31

Vistas: 416596764

Leituras dos resumos: 344872199

Descargas em PDF: 71724565

Citado por

Citas em Web of Science

Actualmente não há citações a este documento

Citas em Scopus

Actualmente não há citações a este documento

Citas em Google Scholar

Actualmente não há citações a este documento

Baixar

Métricas alternativas

Como citar

Quintão-Carneiro, V. (2008). Readings of TV from teenagers storyboards. [Lecturas propositivas de TV y creación de guiones dibujados por adolescentes]. Comunicar, 31. https://doi.org/10.3916/c31-2008-03-021

Compartilhar

           

Caixa Postal 527

21080 Huelva (Espanha)

Administração

Redação

Creative Commons

Este site usa cookies para obter dados estatísticos sobre a navegação de seus usuários. Se você continuar navegando, consideramos que você aceita seu uso. +info X